Um passeio pelo Distrito C no bairro Floresta

Um passeio pelo Distrito C no bairro Floresta

O olhar inovador e criativo da galera que acredita na cidade está transformando o Floresta. Um dos mais antigos e tradicionais bairros de Porto Alegre está se tornando um polo de economia criativa na capital.

 

A ideia é fazer a região florescer novamente através da inovação social e de novas formas de interação entre artistas, empreendedores e a própria região. Galerias de arte, estúdios de design, escritórios de arquitetura e espaços gastronômicos estão tomando conta das ruas do bairro.

 

Uma das iniciativas que vem liderando este movimento é o Distrito C, um cluster de economia criativa constituído por 82 empreendedores e artistas que existe desde 2013 e foi concebido pela agência de design social UrbsNova Porto Alegre – Barcelona.

 

Fizemos uma listinha com cinco lugares que valem a pena conhecer no Distrito C e que vão fazer você olhar para Porto Alegre com novos olhos. Confere aí:

 

Noventamil – Galeria e Experiências

A Noventamil, inaugurada em agosto deste ano, é um espaço pensado para fomentar a arte e a cultura. Um cantinho incrível no Distrito C, projetado pelo arquiteto Francisco Pinto que, mais do que reunir e vender arte e design, promove a convivência e a troca de experiências.

 

Com curadoria das empreendedoras Neca Baldi – diretora da Escola Projeto – e Luciana Chwartzamann – criadora da Lezanfan – a galeria, além de exposições, promove eventos, bate-papos e workshops ligados ao mundo criativo.

 

Até o dia 16 de dezembro a exposição fotográfica “Fiesta de Los Muertos”, de Marilene Bittencourt e Fernando Ricardo vai estar rolando por lá!

 

Onde fica?
Rua Visconde do Rio Branco, 233 – Floresta

 

noventamil

Foto: Carlos Edler

 

Bolsa de Arte

Há quase 40 anos em Porto Alegre, a Galeria Bolsa de Arte trabalha com arte contemporânea e é um dos nomes mais fortes no cenário de arte nacional.

 

Com mais de 250 exposições e participação em feiras no Brasil e exterior, a galeria tem uma preocupação muito bacana: além de expor artistas consagrados, se compromete a lançar novos talentos e incentivar a produção artística local. Em 2014 abriu uma filial na Vila Madalena, bairro que é reduto de artistas e galerias na capital paulista.

 

Dica: vale a pena conferir a exposição “Paisagem Moralizada”, da Nara Amelia, que fica disponível na Bolsa de Arte até dia 23 de dezembro.

 

Onde fica?
Rua Visconde do Rio Branco, 365 – Floresta

 

bolsadearte

Foto: Bolsa de Arte

 

La Casa de Pandora

A La Casa de Pandora é um espaço multidisciplinar que oferece infraestrutura para que ideias criativas saiam do papel. O conceito aqui é dar espaço e catalisar novos projetos.

 

O lugar realmente funciona como uma grande casa: todo mundo contribuiu com as despesas, trabalha junto e interage com a comunidade do bairro. Ah, e os lucros do projeto são 100% de quem criou, uma vez que a Casa não tem fins lucrativos.

 

Tá afim de dar o start no teu negócio na La Casa de Pandora? Dá uma passada lá! O pessoal é super aberto e vai te receber cheio de vontade de construir a tua ideia contigo!

 

Onde fica?
Rua Comendador Azevedo, 521 – Floresta

 

lacasadepandora2

Foto: La Casa de Pandora

 

Studio Q

O Studio Q é uma escola criativa de artes em geral. Além de cursos, workshops e espaço para professores darem aulas, o lugar tem sempre uma programação muito bacana: bate-papos com personalidades do mundo criativo, exposições, espaços de coworking e eventos divertidos como brechós e feirinhas.

 

O propósito da escola é conectar pessoas e inspirar novas ideias em um ambiente de aprendizado e disseminação da cultura criativa.

 

Curtiu? Então aproveita que no dia 29 de novembro começa o curso de Estamparia Digital. Corre que ainda dá tempo de se inscrever!

 

Onde fica?
Rua Dr. Timóteo, 395 – Floresta

 

studioqpoa

Foto: Recortes da Moda

 

Galeria Hipotética

A Galeria Hipotética é o lugar perfeito para os amantes de histórias em quadrinho, ilustração e fotografia. A galeria oferece cursos e exposições, além de disponibilizar para venda produtos relacionados a este universo, como publicações independentes e de pequenas editoras, postais, pôsteres e objetos desenvolvidos por artistas.

 

A ideia é ser um espaço múltiplo e dinâmico que propicie a troca de experiências e dê espaço para trabalhos que muitas vezes são deixados de lado pelas galerias mais tradicionais. Bacana, né?

 

Onde fica?
Rua Visconde do Rio Branco, 431 – Floresta

 

galeria-hipotetica

Foto: Galeria Hipotética

1 COMMENT
  • Gabriel
    dezembro 17, 2017

    Faltou o Gravador Pub.

ENVIAR UM COMENTÁRIO