Saiba agora as 4 principais diferenças de comprar apartamento na planta ou pronto!

Saiba agora as 4 principais diferenças de comprar apartamento na planta ou pronto!

Você tem várias formas de fazer a compra da sua casa ideal, dependendo de suas demandas e de seus objetivos. Porém, existem dois métodos principais que você pode escolher: comprar apartamento na planta ou pronto.

 

A diferença entre os dois é bem evidente, mas nem todos têm uma ideia bem clara de quais são os prós e contras de cada um. Tanto que, se não for feito um bom planejamento, pode ser que você acabe se arrependendo da sua decisão.

 

•  Para que você não caia em nenhuma armadilha, separamos, aqui, algumas das principais diferenças entre comprar apartamento na planta ou pronto, com suas vantagens e desvantagens. Acompanhe.

 

1. Início das cobranças

Quando você adquire um imóvel já pronto para morar, todas as cobranças envolvidas começam a entrar em vigor imediatamente. Isso inclui o IPTU, a documentação, o condomínio, entre outras despesas comuns para quem mora em um imóvel. Porém, você precisa começar a pagar por tudo isso antes mesmo de poder se mudar.

 

Já nos imóveis comprados na planta, o contrato assinado não é de venda direta, mas, sim, uma promessa de compra assim que o edifício estiver entregue. Nesse caso, você só precisa se preocupar com essas despesas depois que a obra estiver finalizada.

 

2. Planejamento da mudança

Como já mencionamos, o tempo disponível para planejar sua mudança também pode se alterar aqui. Se o imóvel já está pronto, você pode começar a usá-lo imediatamente, mas o processo de mudança quase sempre exige algumas semanas de preparo. Se, por outro lado, um imóvel ainda está em construção, você pode pegar uma estimativa da data de conclusão e planejar-se de acordo.

 

3. Custo de investimento

Outro ponto a ser levado em conta é o próprio preço de comprar apartamento na planta ou pronto. No geral, edifícios em construção apresentam preços melhores, pois o imóvel não está disponível para uso imediato. Isso facilita vendas mais rápidas para a imobiliária, diminuindo seu risco de perda.

 

Em imóveis prontos, você terá que pagar o preço completo de mercado, menos a depreciação. A compensação aqui é que, como já está tudo feito, você pode se mudar tão cedo quanto quiser.

 

4. Personalização da infraestrutura

Por fim, mas não menos importante, muitas pessoas preferem adicionar algumas coisas aos imóveis onde vão morar. No caso dos imóveis prontos, isso exige uma reforma, a qual pode ser bem barata ou mais cara, de acordo com suas demandas.

 

Já os imóveis ainda na planta podem ter um pouco de flexibilidade. Se o projeto ainda não foi iniciado ou está em seus primeiros estágios, você pode negociar com a construtora para criar alguma estrutura personalizada, como uma configuração diferente de cômodos.

 

5. Entrada do pagamento

Para poder comprar um imóvel pronto, é necessário dar um valor de entrada direto para o proprietário, o que costuma ficar em torno de 10% do valor do imóvel. A menos que você tenha tempo pra economizar, isso vai ser uma grande barreira. Por outro lado, como o imóvel na planta não fica disponível imediatamente, você pode fazer um financiamento mais completo, pagando cada parcela individualmente.

 

Com esses fatores em mente, você está mais preparado para escolher comprar apartamento na planta ou pronto. A melhor dica é pensar sempre em suas necessidades com essa compra. Se você tem uma família, é solteiro, viaja muito ou tem outros objetivos com o imóvel, isso deve influenciar suas escolhas.

 

Quer mais assistência na sua compra de imóveis? Então, entre em contato com a WikiHaus e veja como podemos ajudar você nessa jornada.

 

NENHUM COMENTÁRIO

ENVIAR UM COMENTÁRIO