DIY no Home Office: dicas para aprimorar seu espaço de trabalho em casa

DIY no Home Office: dicas para aprimorar seu espaço de trabalho em casa

Trabalhar em casa já é uma realidade para mais de 20 milhões de pessoas no Brasil, segundo estimativas do IBGE. Exercer o ofício no aconchego do lar parece um sonho, não é mesmo? E é! Os benefícios dessa prática são muitos: flexibilidade de horários, extinção do tempo de locomoção, redução de custos, ampliação das possibilidades de trabalho. A lista é infinita e as vantagens já estão sendo sentidas por empresas, por trabalhadores e, claro, pelo mundo.

 

Mas, para que apenas o lado bom se sobressaia, é preciso estar atento a alguns pontos importantes, como produtividade, comprometimento e organização. Aliás, esse último tópico está diretamente ligado ao seu ambiente de trabalho. Criar um espaço funcional é fundamental para um bom desempenho – assim como se preocupar com estilo, sustentabilidade, praticidade e ergonomia.

 

Parece muito complexo criar o cantinho perfeito? Não mais! Selecionamos algumas dicas DIY (Do It Yourself) que consideram a criatividade, a personalização, a economia e o reaproveitamento de materiais, tudo para você criar um ótimo escritório em casa.

 

Pense verticalmente

Trabalhar em casa não pode significar apoiar seu notebook sobre o balcão da cozinha. Sim, você precisa de um espaço próprio, mesmo que não possa dedicar um cômodo todo. Esse local pode ficar na sua sala de estar ou no seu quarto, mas precisa ser delimitado – por móveis ou divisórias.

 

Se esse ambiente for reduzido (o que acontece na maioria dos casos), você precisa pensar verticalmente. Isso significa que seus móveis, aparelhos eletrônicos e itens decorativos podem (e devem!) ser dispostos aproveitando ao máximo as paredes e até o teto.

 

Que tal repintar aquela velha grade de metal e usá-la como mural? Ou então recuperar aquelas pranchetas inutilizadas e transformá-las em porta-recados? E aquelas caixas de frutas que você recolheu e nunca utilizou: já pensou em pendurar e usá-las como prateleiras? São muitas as opções.

 

Ainda na onda da organização vertical, além de suspender nichos, cestas, varais e até imãs nas paredes, você pode criar pegboards (os queridinhos do momento!). São painéis perfurados onde você pode fixar qualquer tipo de material, desde objetos de decoração até seus instrumentos de trabalho.

 

 

Cuide da iluminação

Independente do trabalho que você desenvolva, é muito importante que seu home office seja bem iluminado. Claro que o equilíbrio é sempre ideal. Se seu ambiente é claro demais, e você usa muito o computador para trabalhar, deve investir em bloqueios, como cortinas e biombos. Mas, se seu caso é o oposto, a iluminação ganha dupla serventia: sendo importante tanto à noite quanto durante o dia.

 

Porém, antes de sair mudando seu cantinho de lugar ou comprando artigos de iluminação por aí, pense se não é possível fazer você mesmo. Muitas vezes uma lâmpada e uma ideia na cabeça podem solucionar seus problemas de forma muito mais econômica e estilosa.

 

Que tal construir suas próprias luminárias (ou reformar as já antigas) e deixar seu home office ainda mais bonito? Você pode investir em luzes pendentes, que iluminam de forma mais abrangente, em luzes direcionais, que podem clarear um foco em específico (seu computador, sua mesa de desenhar, sua máquina de costura), ou em luzes difusas, que dão um clima mais aconchegante ao ambiente.

 

Lembra daquele velho abajur com a cúpula já estragada? Você pode forrá-la com um novo tecido! Se for contrário, você pode preservar sua cúpula e fazer de uma garrafa o novo suporte. Outra opção é construir um abajur do zero, com madeira ou sobras de outro materiais. Seja qual for a escolha, tente ao máximo colocar sua personalidade sobre ela – é justamente esse o próximo ponto.

 

 

Preserve sua identidade

Reconhece aquele hábito de transformar a mesa de trabalho no escritório em um local mais pessoal? Preservar fotos da família e dos amigos, cultivar a planta preferida, exibir um brinquedo ou souvenir que marcaram. São formas de tornar o trabalho menos pesado e mais pessoal, trazendo para perto itens que marcam sua personalidade.

 

Não é porque você está em casa que essa regra deixa de valer. Seu home office precisa destacar sua identidade, seu estilo de vida e o que é importante para você! Assim, fica mais leve executar aquela tarefa complexa, resolver aquele problemão e até receber pessoas para uma reunião.

 

Invista em quadros ou murais DIY, são inúmeras as opções. Feitos com materiais reaproveitados, esses artigos são muito bem-vindos também para ajudar na organização e na memorização.

 

 

Uma opção excelente para personalizar seu espaço office é aplicar sobre as paredes uma tinta com efeito lousa, onde você escrever com giz, criar calendários, fazer anotações e até criar suas próprias ilustrações. E sim, é possível fazer a sua própria tinta, na tonalidade que escolher.

 

 

Foque no seu corpo

Além da decoração, a preservação do bem-estar no home office é outro ponto muito importante. Não basta manter seu ambiente organizado, limpo e estilizado se não está confortável, ergonômico e seguro. Sua postura está correta? Todas as ferramentas de trabalho estão ao seu alcance? Os cabos dos seus eletrônicos estão bem instalados e arrumados? Preste muito atenção!

 

Trabalhar no sofá, na cama ou na mesa do jantar pode parecer tentador, mas são péssimas escolhas. Nenhuma dessas opções é pensada em trabalho, mas em descanso e entretenimento. Sentar-se em um ângulo de 90º, apoiando os braços, em uma mesa de aproximadamente 75cm de altura e com os joelhos alinhados é apenas o início de um cenário perfeito.

 

Nem é preciso dizer que você deve se alongar de tempos de tempos, para não forçar uma posição contínua por longos períodos de trabalho – isso é uma questão de comportamento. Quando pensamos em funcionalidade, é preciso considerar alguns itens importantes, como apoio para mouse e teclado, suporte para monitor, apoio para os pés, organizador de cabos e outros. Isso tudo também é possível de improvisar/criar!

 

 

Um dos objetos mais queridinhos do home office é, sem dúvida, o apoio para notebook. Um item, aliás, muito simples de ser feito por você mesmo, com materiais que certamente você tem em casa ou fácil acesso – e que podem ser personalizados ao seu gosto. Que tal um suporte feito com sobras de cano?

 

 

E então: gostou das dicas e já está ansioso para colocá-las em prática? Já possui um home office personalizado com itens feitos por você? Tem mais ideias? Compartilhe conosco nos comentários 😉

NENHUM COMENTÁRIO

ENVIAR UM COMENTÁRIO