Como usar o FGTS para comprar seu apartamento

Como usar o FGTS para comprar seu apartamento

Aqui na Wikihaus, a gente recomenda usar o FGTS sempre que possível. Se você tem a possibilidade de utilizar este recurso – de baixo rendimento – para diminuir uma dívida onde, normalmente, são cobrados juros maiores… faça isso!

 

Qualquer instituição financeira pode intermediar a compra do seu imóvel. Se você não tem conta corrente na Caixa e prefere fazer pelo seu próprio banco, por exemplo, basta ir a uma agência e comunicar sua intenção de usar o FGTS para tal finalidade. O banco irá determinar a inclusão de algumas cláusulas no contrato de compra e, então, sacar o dinheiro do fundo e depositar para o vendedor. Em alguns bancos, você pode acessar esse tipo de atendimento por outros canais, como telefone ou internet banking.

 

Quer saber mais sobre como usar seu FGTS para comprar um imóvel? Continue a leitura!

 

COMO UTILIZAR O FGTS.

Você pode usar o saldo da sua conta do FGTS para comprar ou construir um imóvel residencial; amortizar ou quitar o saldo devedor – para financiamentos pelo Sistema Financeiro Habitação (SFH); ou ainda pagar parte do valor das prestações: você pode usar o FGTS para diminuir em até 80% o valor das prestações em 12 meses consecutivos (válido para financiamento pelo SFH).

 

QUEM PODE USAR O FGTS PARA COMPRAR UM IMÓVEL?

Para usar o FGTS, é preciso cumprir quatro requisitos:

  • Ter pelo menos três anos de carteira Esse período não precisa ser contínuo, ou seja, a pessoa pode ter trabalhado um ano em 2002 e outros dois a partir de 2010, por exemplo.
  • Não ter financiamento ativo no Sistema Financeiro de Habitação (SFH) em nenhuma parte do país.
  • Não ser proprietário de imóvel residencial no município onde pretende comprar o Assim, se tem um apartamento em São Paulo, poderá comprar outro em Belo Horizonte, mas não na capital paulista.
  • Trabalhar ou morar no município em que fica o imóvel que pretende comprar usando o

 

QUAIS OS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA SACAR O FGTS?

Você precisa comprovar que atende aos pré-requisitos listados acima. Para tanto, precisará apresentar carteira de trabalho, comprovante de residência (conta de água ou luz), certidão de nascimento e de casamento (se for casado), carteira de identidade e CPF. Além disso, precisa apresentar a certidão de matrícula e cópia do IPTU da casa ou apartamento que quer comprar, demonstrando que o imóvel está em situação regular e pode ser adquirido com o FGTS. Corretores e o próprio agente financeiro poderão orientar sobre esses documentos e como obtê-los.

 

TODO IMÓVEL PODE SER COMPRADO COM O FGTS?

Não. Somente aqueles financiados pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH), dentro de um limite de valor redefinido periodicamente – atualmente o valor é R$ 1,5 milhão em todo o país. A estimativa do valor do imóvel é feita por engenheiros  credenciados pelo agente financeiro.

Além disso, essa casa ou apartamento tem que ser urbano (ou seja, dentro da cidade), residencial e destinado à moradia – não é possível comprar um flat, por exemplo, como investimento.

Por fim, esse imóvel não pode ter sido objeto de operação com FGTS nos últimos três anos.

 

QUANTO TENHO DE FGTS?

A cada três meses, a Caixa envia um extrato com o saldo do FGTS para sua casa. Você também pode checar via internet, no site do fundo de garantia com o número NIS (PIS/PASEP) e uma senha cadastrada; ou indo a qualquer agência da Caixa – apresentando um documento de identidade e o número NIS.

 

COMO É FEITO O SAQUE?

O agente financeiro comunica à Caixa sua intenção. Quando o fundo de garantia é liberado, é depositado na conta do vendedor. Ou seja: quando saca o fundo de garantia para comprar um imóvel, você não chega a lidar diretamente com o dinheiro.

 

EM QUANTO TEMPO O FGTS É LIBERADO?

O dinheiro do FGTS demora, em média, cinco dias para ser liberado – após o pedido feito pelo agente financeiro. Mas considerando os outros processos, como a aprovação do financiamento, o negócio leva, geralmente, de 60 a 90 dias para ser concluído.

 

RECEBI UM IMÓVEL DE HERANÇA. POSSO USAR MEU FGTS NA COMPRA DE OUTRO?

Não. Quem já tem uma casa ou apartamento, não importa como tenha obtido, não pode sacar o FGTS.

 

POSSO SACAR O FGTS PARA AJUDAR OUTRA PESSOA A COMPRAR UM IMÓVEL?

Não. O seu fundo de garantia só pode ser sacado para a compra de imóvel em que você vai morar. O governo não permite o uso desse dinheiro para aquisição de bem para terceiros, nem mesmo filhos. Quem não cumprir essa regra e for descoberto, poderá ser processado por estelionato e terá que devolver o dinheiro do FGTS.

 

Não há dúvidas de que utilizar os recursos do FGTS para a aquisição de um imóvel é mais interessante do que manter o dinheiro depositado na conta. Apesar de o valor ser reajustado mensalmente, os rendimentos são inferiores aos impactos da inflação. Aplicar esses valores em um projeto sólido é uma excelente maneira de evitar a desvalorização do dinheiro e alcançar seus objetivos.

 

Quer saber mais sobre como usar o fundo de garantia para comprar o seu apartamento? Entre em contato com a gente e tire todas as suas dúvidas.

NENHUM COMENTÁRIO

ENVIAR UM COMENTÁRIO